Contexto Bem Aplicado é a Solução …

contexto bem aplicado
Contexto bem aplicado deve ser o objetivo de toda empresa, que deseja chegar ao coração do lead, transformando-o em prospect e finalmente, em cliente fiel.

Contexto bem aplicado: valoriza o conteúdo!

Um excelente conteúdo é a pedra angular de todo grande inbound marketing.

Mas, pode-se escrever o melhor ebook do mundo, ou um grande blog e nunca ver nenhum ROI.

Pois, eles tem que estar em evidência para o público certo, no exato momento da navegação de um comprador.

Em resumo, para comercializar conteúdo, o contexto precisa identificar cada grupo específico e atingir aquela faixa do mercado.

Conteúdo promovido pelo contexto?

Usar contexto para promover conteúdo, costuma ser poderoso ou, como escrever e criar uma brilhante manchete no post do blog.

Pois antes, esses eram os únicos canais de distribuição que o marketing possuía.

As novas tecnologias, no entanto, permitem controlar não apenas o posicionamento do conteúdo mas também a sua distribuição.

Essas novas plataformas colocam o controle e o alcance de leads, com a construção de landing pages com uma melhor redação.

Os visitantes, sabem o que desejam!

Por exemplo, a varejista que usa anúncios online, para executar as vendas através de flashes diários, a todos os visitantes.

Mas, numa abordagem que melhore a relevância para cada cliente individualmente, permitirá que ele o siga e que o ame.

Os visitantes, agora, controlam sua relação com os anunciantes e podem escolher a sua própria interação.

Selecionam o que eles querem ouvir, falar e como eles querem que as informações cheguem até eles (via celular, e-mail, website, etc.)

Desta forma, anunciantes e outras marcas que confiam no marketing de contexto, aumentam a probabilidade de que seu conteúdo será visto pelo consumidor e seu público-alvo.

Pois, excelente conteúdo ainda é a melhor ferramenta de vendas no mundo.

Ao invés de usar vinte tentativas para garantir o que se espera conseguir …

O marketing de contexto pergunta: como consigo obter uma grande resposta, de uma pessoa pela primeira vez?

E, em seguida, construir uma relação eterna com ela a partir deste ponto?

continua no próximo post…

Posts anteriores: Introdução, Parte1, Parte2, Parte3, Parte4

Autor: Erivaldo Ribeiro
Juntos, podemos sempre mais!

Gostou deste artigo? Compartilhe!

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.