Marketing Social, Vamos Praticar?

marketing social

Pelo marketing social é possível usar ferramentas – do marketing convencional – e convencer o público de ideias de bem-estar coletivo para mudanças sociais.

Esse trabalho pode ser feito pelo Estado, por empresas ou organizações do terceiro setor

Portanto, deve ser realizado sob a orientação de profissionais especializados nesse tipo de engajamento.

As primeiras discussões apareceram em 1971, com Philip Kotler e Gerald Zaltman.

Segundo eles, o marketing social pode ser empregado para a adesão a uma “ideia de sociedade” em um determinado público.

E, as estratégias de mercado podem ser utilizadas para chegar nesse resultado.

Ferramentas como: identificação e pesquisa de público-alvo, configuração de pensamentos e comunicações, facilitação de incentivos, entre outros.

Enquanto o marketing tradicional se preocupa em buscar em curto prazo – e obter lucro de – quem consome …

O marketing social busca a satisfação do cidadão a longo prazo, e obrigatoriamente sem fins lucrativos.

Marketing social aplicado

O marketing social no Brasil é bem tímido e muito pequeno, se comparado a outros países, abaixo apresento alguns exemplos e sua atuação:

Criança Esperança

Há 32 anos o Criança Esperança cria oportunidades de desenvolvimento para crianças, adolescentes e jovens.

Até aqui, mais de R$ 330 milhões em doações foram investidos no Brasil em mais de 5 mil projetos sociais.

Portanto, esse projeto já atendeu a mais de 4 milhões de crianças e adolescentes em todo país.

Em 2017, foram apoiados 62 projetos em várias regiões do Brasil.

Dessa forma também, três Espaços Criança Esperança localizados no Rio de Janeiro, Belo Horizonte e Jaboatão dos Guararapes em Pernambuco.

Mas, também, é possível fazer doações durante o ano inteiro pelo site do Criança Esperança.

Os recursos arrecadados são depositados diretamente na conta da Unesco.

Pois, a Unesco é responsável pela seleção de projetos, por meio de edital público, realizada anualmente.

Após a seleção, a Unesco monitora e faz o acompanhamento técnico e financeiro dos projetos apoiados.

Por isso que devido ao envolvimento nacional, o Criança Esperança é uma campanha de milhões de brasileiros.

MCdia Feliz

Criado pelo Instituto Ronald McDonald, é a campanha mais expressiva do país voltada às crianças e adolescentes com câncer.

Anualmente, no último sábado de agosto, os recursos obtidos com a venda dos sanduíches Big Mac são direcionados a instituições.

Portanto, somente direcionados para locais que trabalham para melhorar a vida das crianças com câncer.

Desde 1988, a campanha já arrecadou mais de R$ 200 milhões.

Adotar é tudo de bom

Criado pela marca PEDIGREE®, o programa surgiu nos Estados Unidos, e hoje está presente no Brasil e em outros países.

Por aqui, a campanha pretende conscientizar as pessoas sobre a adoção de pets abandonados, mobilizando a população para a causa.

Por isso, além de trabalhar na sensibilização das pessoas, a campanha ajuda ONGs que cuidam dos animais.

First Step

Campanha da loja Kanui, a First Step foi criada com o objetivo de arrecadar sapatos usados para pessoas carentes.

Por isso, a empresa separou mil caixas, que são enviadas aleatoriamente para os clientes que compram pares de tênis.

Dessa forma, as embalagens tiveram seus interiores carimbados com o logo da campanha e um texto explicando a ação.

Além disso, instruções para envio do par ao Exército de Salvação, e um código dos Correios com o frete já pago.

Ambev Recicla

Plataforma criada pela companhia Ambev.

Portanto, desde 2011 o projeto contribui para o desenvolvimento de mais de 60 cooperativas em dez estados do Brasil.

Esse projeto visa melhorias na gestão, infraestrutura e doação de equipamentos para essas cooperativas.

Por isso, facilita o acesso à indústria recicladora e foca no aumento da renda dos catadores.

Reciclar é Alimentar

Parceria da Nespresso com a ONG Banco Alimentar Contra a Fome – de Portugal – o projeto é executado há cinco anos.

Funciona de forma simples: o consumidor guarda as cápsulas depois de usá-las e leva até uma das lojas da marca.

A empresa retira a borra de café, que serve de adubo em plantações de arroz.

Então, também separa o alumínio que é encaminhado às centrais para a manufatura.

Toda produção é controlada, embalada e doada à ONG, que por sua vez, distribui o arroz às pessoas carentes.

Dessa forma, a campanha já entregou mais de 190 toneladas de arroz.

Saco é um Saco

A campanha do Ministério do Meio Ambiente evitou o uso de 600 milhões de sacolas plásticas em supermercados no país em 2010.

Mas, tudo isso aconteceu por meio da distribuição de 190 mil sacolas retornáveis para parceiros.

Em 2013 e 2015, o objetivo era diminuir o uso de sacolas plásticas em 30% e 40%, respectivamente.

Conclusão

O marketing social no Brasil, objetiva ajudar a resolver questões sociais.

Ainda assim é necessário persistir nas ações e campanhas …

Pois, apenas uma campanha isolada não é suficiente para solucionar problemas que existem há muito tempo.

O engajamento social de organizações e indivíduos precisa estipular metas realizáveis.

Os profissionais de marketing devem ser qualificados e conscientizados para causas sociais.

Pois, eles, podem significar auxílio poderoso na solução de tantos problemas sociais.

Ref.: Eficiência em Impacto Social
Adaptado Por: Erivaldo Ribeiro
Juntos, podemos sempre mais!

Gostou do artigo? Compartilhe!

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.